Outubro tem cor, causa e símbolo. É rosa, alerta sobre a prevenção do câncer de mama e o laço rosa como símbolo desta causa. Para alertar condutores e pedestres, a Prefeitura de Arapiraca, por intermédio da Superintendência Municipal de Transportes e Trânsito (SMTT), colocou laços rosa nos semáforos da cidade.

Equipe técnica da SMTT coloca laço rosa em um dos semáforos da Avenida Ceci Cunha em Arapiraca

O laço rosa foi colocado no semáforo da Avenida Ceci Cunha com a Rua Minervina Francisca, entre os bairros Itapoã e Novo Horizonte; no Parque Ceci Cunha com a Rua Governador Luiz Cavalcante (Memorial da Mulher); Rua Estudante com a Avenida Rio Branco.

A SMTT também colocou o laço rosa no semáforo das ruas José Leite Bezerra e Samaritana, entre o shopping e a Prefeitura de Arapiraca, entre outros pontos estratégicos de Arapiraca.

A ideia faz parte da campanha interna do órgão, inspirada nas ações realizadas pela prefeitura por meio da Secretaria Municipal de Saúde (SMS), realizada pelo Departamento Psicossocial da SMTT.

Laço rosa colocado no semáforo entre o shopping e a Prefeitura de Arapiraca em alusão ao Outubro Rosa

Com o incentivo do prefeito Rogério Teófilo às causas sociais e de saúde da mulher, a campanha elaborou um painel sobre o significado do Outubro Rosa e informações sobre a prevenção do câncer de mama e, mais recentemente, do câncer de colo do útero.

“Este mês temos um olhar especial à saúde da mulher e o poder público tem se mobilizado em todos os setores da Saúde e de todos os órgãos da prefeitura, como forma de incentivar as mulheres a fazerem o autoexame como prevenção”, afirmou Rogério Teófilo.

Sobre a campanha na SMTT, o superintendente Ricardo Téofilo seguiu as diretrizes da gestão para levar a informação aos servidores e incentivá-los a participar das ações.

“É muito importante à participação de todos, mesmo que seja para receber as informações e contribuir para a prevenção do câncer na mulher. Estamos todos juntos por esta causa”, disparou Ricardo Teófilo.

Semáforo do Parque Ceci Cunha entre as ruas Delmiro Gouveia e Governador Luiz Cavalcante também recebe o laço rosa

Ideias compartilhadas

A ideia do laço roda nos semáforo partiu do engenheiro civil Eduardo Alexsander, do Departamento de Infraestrutura de Trânsito, e o material foi confeccionado pela funcionária de Recursos Humanos da Diretoria de Fiscalização, Juciele Sena.

Já a psicopedagoga Betty Jane e a psicóloga Marcela Braz elaboraram as informações do painel e dão suporte emocional às servidoras da SMTT.

Semáforo da Rua Estudante com a Avenida Rio Branco acolhe o símbolo da campanha do Outubro Rosa para conscientizar a população sobre a prevenção do câncer de mama e de colo do útero

História do Outubro Rosa

O movimento teve início no ano de 1990, em um evento chamado “Corrida pela cura” que aconteceu em Nova Iorque, para arrecadar fundos para a pesquisa realizada pela instituição Susan G. Komen Breast Cancer Foundation.

O evento ocorria sem que houvesse instituições públicas ou privadas envolvidas. À medida que cresceu, outubro foi instituído como o mês de conscientização nacional nos Estados Unidos, até se espalhar para o resto do mundo.

A primeira ação no Brasil aconteceu em 2002, no parque Ibirapuera, em São Paulo. Com a iluminação cor-de-rosa do Obelisco Mausoléu ao Soldado Constitucionalista.

A partir de 2008, iniciativas como essa tornaram se cada vez mais frequentes. Diversas entidades relacionadas ao câncer passaram a iluminar prédios e monumentos, transmitindo a mensagem: a prevenção é necessária.

0 respostas

Deixe uma resposta

Want to join the discussion?
Feel free to contribute!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *